Com jogo morno, Bahia e São Paulo empatam na Arena Fonte Nova

O Bahia amargou um empate contra o São Paulo na noite desta quarta-feira (9), na Arena Fonte Nova. O tricolor baiano esperava entrar novamente para o G-6, com uma possível vitória.

Em um jogo sem grandes emoções, o Esquadrão teve problemas de se encontrar na partida, perdeu chances de gol e deixou o tricolor paulista dominar a posse de bola no primeiro tempo.

PRIMEIRO TEMPO

O São Paulo abriu a primeira etapa ameaçando o Bahia, com Lizeiro finalizando para aproveitar um rebote, porém a bola acabou desviando. O tricolor baiano acordou aos seis, com Fernandão subindo mais alto que a defesa, mas errou na cabeçada. Aos 14, o Bahia ainda tentava encontrar seu jogo. Aos 25, a posse de bola do tricolor baiano era de 31% e do São Paulo 69%. Dominando a partida, o São Paulo assustou mais uma vez aos 33. O time ia trocando passes desde a defesa com Pato, Luan e Hernandes, para entregar a bola para Reinaldo que chutou, mas a bola foi pela linha lateral. Aos 39, um lateral do Bahia vai ao chão após arrancar pela direita. O primeiro tempo após 49 minutos termina 0 a 0 para Bahia e São Paulo.

SEGUNDO TEMPO

O tricolor paulista sofreu mais uma baixa, com a saída no começo da segunda etapa de Juanfran. Aos sete, perdeu uma ótima oportunidade de abrir o placar, mas Pato encontrou a defesa do Bahia. Aos 11 e 21 minutos, o Bahia teve ótimas chances de gol, e o goleiro Tiago Volpi novamente defendeu. Aos 29, o VAR analisa um possível toque de mão do jogador Reinaldo, mas logo é descartada a possibilidade. O Bahia ganhou mais domínio, com o tricolor paulista visivelmente cansado, porém não teve espaço. Assim, o jogo terminou após os acréscimos no empate do 0 a 0.

PRÓXIMO JOGO

O Bahia enfrenta o Fluminense, no próximo sábado, às 19h, no Maracanã, no Rio de Janeiro.

FICHA TÉCNICA
Bahia x São Paulo
Campeonato Brasileiro – 24ª rodada
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 09/10/2019 (quarta)
Horário: 21h
Árbitro: Braulio da Silva Machado (FIFA-SC), Thiaggo Americano Labes e Johnny Barros de Oliveira (ambos de SC)
Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Gregore, Flávio e Lucca (João Pedro); Artur, Élber e Gilberto. Técnico: Roger Machado.
São Paulo: Tiago Volpi; Juanfran, Bruno Alves, Anderson Martins e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê, Hernanes e Igor Gomes; Alexandre Pato (Vítor Bueno) e Pablo. Técnico: Fernando Diniz.

Cartão Amarelo: Lucas Fonseca e Artur (Bahia)
Tchê Tchê (São Paulo).

*Varela Notícias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: