MP espanhol quer prisão de oito anos para militar detido com cocaína na comitiva presidencial


A promotoria da Espanha pediu à Justiça que o militar brasileiro Manoel Silva Rodrigues seja condenado a oito anos de prisão, de acordo com o G1.

Rodrigues entrou no país europeu com cocaína, durante viagem da comitiva presidencial ao encontro do G-20, que ocorreu no Japão no dia 25 de junho.

De acordo com a denúncia, o militar foi flagrado com 37 pacotes de cocaína, que somavam 37 kg. A informação inicial era de que 39 kg haviam sido apreendidos. 

O MP espanhol ainda quer que Rodrigues pague multa de 4 milhões de euros, mais de R$ 18 milhões.

*Metro 1!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: